​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​

 

 

 

BrigRRhttps://www.exercito.pt/pt/quem-somos/organizacao/ceme/cft/brigrr/ri10/BrigRRBrigRRBrigRRRegimento de Infantaria nº10<a href="http://inter-assets/SiteAssets/RI10/S%c3%8dNTESE%20CURRICULAR_ri10.pdf"><img alt="" src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/CMDT%20RI10_182x226.jpg" style="BORDER:0px solid;" /></a>COMANDANTE <br> Coronel <br> Costa Santos<img alt="" src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Smor_RI10.png" style="BORDER:0px solid;" />ADJUNTO <br> Sargento-Mor <br> Luís de Pina<a href="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Her%c3%a1ldica_ri10.pdf"><img alt="" src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Bras%c3%a3o_RI10.png" style="BORDER:0px solid;" /></a><h3>Missão</h3><p>O Regimento de Infantaria Nº 10 (RI10) apronta o 2º Batalhão de Infantaria Para-quedista (2BIPara).</p><p> </p><h3>Visão</h3><ul><li><p>Cumprir as tarefas expressas nas Diretivas do Escalão Superior.</p></li><li><p>Ser um ator relevante e constituir-se como parceiro importante a nível local e regional e no seio do Exército e das Forças Armadas.</p></li></ul><ul><li><p>Caminhar no sentido de ser autossuficiente em termos de infraestruturas de instrução e treino, quer no âmbito operacional, quer no âmbito da formação.</p></li><li><p>Apontar para a sua auto regeneração em termos de Praças e conseguir angariar voluntários suficientes que permita no mínimo, fazer face aos efetivos que passam à disponibilidade anualmente.</p></li><li><p>Ser uma referência ao nível do bem-estar e condições de vida de todos quantos servem na Unidade bem como no apoio às suas famílias.</p></li></ul>40.660830, -8.730270234 065 780-Avenida Marginal 3800-901 São Jacinto, Aveiro<p><img src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Imagens/Porta%20%20de%20Armas_840x475.jpg" alt="" style="margin:5px;" /> </p><p><img src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Imagens/Vista%20Aerea_840x475.jpg" alt="" style="margin:5px;" /> </p><p><img src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Imagens/Ze%20Ma%c3%a7o_840x475.jpg" alt="" style="margin:5px;" /> </p><p><img src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Imagens/saltos_840x475.jpg" alt="" style="margin:5px;" /> </p><p><img src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Imagens/saltos%201_840x475.jpg" alt="" style="margin:5px;" /> </p><p><img src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Imagens/ISAF_840x475.png" alt="" style="margin:5px;" /> </p><p> </p>

 

 

BrigRRhttps://www.exercito.pt/pt/quem-somos/organizacao/ceme/cft/brigrr/ri10/BrigRRBrigRRRI10Regimento de Infantaria Nº10L0|#0699b1340-6124-4e36-85a9-dc09cc256090|CEME:CFT:BrigRR:RI104<img alt="" src="http://assets.exercito.pt/SiteAssets/RI10/Cart%c3%a3o_RI10.png" style="BORDER:0px solid;" />

Exército Portugues
Iremos até onde a Pátria for,
e seja em paz,
ou seja em guerra,
que este clamor
vibre imortal,
de mar em mar,
de serra em serra:
Portugal! Portugal! Portugal! 

Hino do Exército, 1945,
Letra de Adolfo S. Muller
© Exército Português 2018